Um ninho no coração de Braga

Mais do que um alojamento B&B, o Braga Pop Hostel é uma casa, um lar, um ninho, um lugar confortável para onde apetece sempre ir, mesmo que seja só para ver uma exposição, um warmup session, o Pôr-do-sol ou dar duas de treta.

A Helena é, seguramente, a melhor ‘hosteleira’ do Minho. Faz-nos sempre sentir bem-vindos, como se em cada minuto que passa connosco nos dissesse em surdina: tu és especial para mim.

É como ela própria se classifica: “POP é popular. POP são as pessoas. POP não é música, não é arte, não são ícones, não é uma moda nem uma marca registada. O Braga POP Hostel é um espaço de cultura, arte e lazer, localizado no coração da cidade mais jovem de Portugal. Acreditamos que viajar é saborear, aprender e partilhar e, com isso, chegar a casa mais rico.

Quem sobe a Rua do Carmo, no número 61 (do lado esquerdo), terá de subir até ao 3º andar e tocar à campaínha. Encontrará um alojamento com 6 quartos (quarto single, quarto duplo e camaratas), cozinha, sala e uma grande e solarenga varanda.

Se vale a pena vir a Braga e ficar uma noite no Pop Hostel? Vale. Se vale a pena ficar atento à agenda e vir beber um café enquanto se ouve um concerto na varanda? Vale mesmo.

Já agora, fiquem com este vídeo feito no dia em que inaugurou a exposição da Raquel Costa (aka little black spot), e o Alex Keiling preparou uma “warmup session of delicate indie folk songs” do seu projecto a solo Wooden Wolf.

Ah! Já me esquecia de referir: sem dúvida alguma, o melhor por-do-sol da cidade é aqui.